mundo

Trabalhadores da TAP pedem mais tempo para as medidas voluntárias

Administração da companhia recusou extensão do período de adesão aos pilotos. Trabalhadores de terra recorreram diretamente ao Governo.

mundo

Visita do papa Francisco: primeiro-ministro do Iraque anuncia Dia Nacional da Tolerância

mundo

Assunção registra violência após resposta à pandemia gerar protestos

mundo

Covid-19: mundo se choca com quase 2 mil mortes em 24h no Brasil

Aos jornais New York Times e The Guardian, cientistas alertaram que a pandemia no Brasil se tornou uma ameaça global, com o risco de gerar novas variantes mais letais.

mundo

Banco Mundial prepara fundos para entregar vacinas a 30 país africanos

mundo

Clima Econômico da América Latina melhora, mas continua desfavorável, diz FGV

mundo

Biden revoga veto de Trump a imigrantes

historia

‘Nós acusamos’: a resposta do Partido Comunista dos EUA às acusações de conspiração de 1948

Em 3 de fevereiro de 2021, a CNN publicou um artigo de Eliott C. McLaughlin, que colocou o Partido Comunista dos EUA ao lado da multidão do Capitólio de Trump, em 6 de janeiro, e uma organização neonazista como os únicos grupos que “tentaram encenar um golpe contra os Estados Unidos da América”. A CNN e McLaughlin têm sua história errada, muito errada. Em julho de 1948, o governo dos EUA indiciou os líderes nacionais do Partido Comunista dos EUA em acusações de armação de “conspirar para ensinar ou defender a derrubada do governo dos EUA por força ou violência”, sob a Lei Smith. As acusações e os subsequentes julgamentos não foram baseados em nenhumas ações dos comunistas dos EUA, mas apenas em suas crenças políticas. Nunca houve qualquer tentativa de golpe ou trama pelos membros ou líderes do Partido Comunista dos EUA.

mundo

EUA: Suprema Corte declara que Trump deve enviar registros de IR

Autoridades investigam possível fraude financeira do ex-presidente dos EUA

mundo

Espanha impõe quarentena para viajantes do Brasil e da África do Sul

Objetivo é conter variantes mais transmissíveis do novo coronavírus