PUBLICADO EM 10 de maio de 2019
COMPARTILHAR COM:

Teatro Oficina atualiza Roda Viva de Chico Buarque

Foto: Susana Buzeli

Com o falecimento de Antunes Filho, desta geração de grandes encenadores brasileiros segue em plena atividade criativa o diretor José Celso Martinez Correa, em cartaz no Teatro Oficina até 2 de junho com a peça Roda Viva, de Chico Buarque, escrita em 1967.

A montagem de 1968 virou um símbolo de resistência contra a ditadura, a violência e censura, pois em julho daquele ano um grupo de mais de cem pessoas do Comando de Caça aos Comunistas invadiu o teatro Galpão, em São Paulo, espancou artistas e depredou o cenário.

Adaptada com figuras medíocres da indústria cultural e não menos perigosas do atual cenário político do país, o musical segue o enredo original e mostra as engrenagens do showbiz utilizadas na transformação de um artista popular chamado Benedito Silva em mercadoria, coisa, lucro. Vira o “herói pop” Ben Silver, tentam mantê-lo no topo como Benedito Lampião e, finalmente, após ser devorado, é substituído por outra “novidade” artística.

Foto: Susana Buzeli

Na arquitetura nada convencional do Teatro Oficina, o público fica nas galerias laterais, participa, canta e vê o espetáculo se desenrolar na passarela central que, com algumas aberturas do portão principal, encontra-se com a Rua Jaceguai e vice-versa.

Além das canções originais Roda viva e Sem fantasia, a atual montagem apresenta músicas recentes de Chico Buarque como a primorosa Caravanas. Os músicos, cantores, cantoras, atores e atrizes fazem de Roda Viva um carnaval antropofágico, democrático, irônico e instigante. Uma excelente oportunidade para quem gosta de Teatro significativo e deseja viver a resistência cultural contra o atual estado fascista no Brasil e no mundo.

Veja: Roda Viva em 60 segundos

Por Val Gomes e Susana Buzeli

Serviço

Roda Viva!
Temporada até 2 de junho
Sextas e Sábados 20h – Domingos 19h
Texto de Chico Buarque de Hollanda
Versão 2019: Zé Celso e Teatro Oficina Uzyna Uzona
Local: TEATRO OFICINA UZYNA UZONA – Rua Jaceguai, 520 – Bixiga, São Paulo, SP
Duração: 3H30 (com intervalo de 15 minutos)
Indicação etária: 14 anos

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS

QUENTINHAS