PUBLICADO EM 20 de set de 2019
COMPARTILHAR COM:
Colunista Pedro Zanotti Filho

Terceirização, precarização e corrupção

Em setembro de 2007, nosso Sindicato realizou, ainda na sede antiga, Seminário sobre terceirizações. Era a primeira atividade coletiva da diretoria recém-empossada, a fim de marcar posição sobre tema tão importante aos trabalhadores, ao Estado e à sociedade.

Reunimos, então, sindicalistas, advogados e o Dieese. Todos ressaltaram os males da terceirização. A diretoria enfatizou os estragos, ainda maiores, quando se terceiriza no serviço público.

Passados 12 anos, estamos de novo à volta com o problema. Desta vez, o governo municipal terceiriza creches e fragiliza os serviços à infância.

Por isso, mais uma vez, o Stap assume a linha de frente da luta, com um robusto protesto na Câmara Municipal e ampla divulgação junto à base e à sociedade.

Terceirização precariza o trabalho; terceirização rebaixa a qualidade dos serviços; terceirização desvaloriza o concurso público consagrado na Constituição; terceirização estimula a corrupção na máquina pública.

A quem, então, serve terceirizar?

Pedro Zanotti Filho é presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Guarulhos

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS

QUENTINHAS