PUBLICADO EM 24 de maio de 2022
COMPARTILHAR COM:
Colunista Geraldino dos Santos Silva

Preservar o meio ambiente e gerar empregos

A questão do meio ambiente ganhou visibilidade internacional nas últimas décadas. Muito tem se falado e divulgado – através dos meios de comunicação – sobre a importância de preservar o meio ambiente com desenvolvimento e manter e gerar empregos com sustentabilidade.

O partido Solidariedade tem tido uma constante preocupação em debater e propor soluções que envolvem o meio ambiente e o mundo do trabalho. O tema do meio ambiente no Brasil, com seu território de proporções continentais – que engloba os biomas Amazônia, Pantanal, Cerrado, Caatinga, Mata Atlântica, Pantanal e Pampa – é um tema de constante preocupação, o que leva à reflexão: preservar o meio ambiente e também manter e gerar trabalho renda.
Infelizmente, o governo Bolsonaro tem adotado medidas que vão na contramão disto, principalmente, quanto ao desmatamento, queimadas fora de controle, crescimento do garimpo ilegal e a questão indígena.

A ideia da promoção de sustentabilidade relacionada ao emprego é extremamente importante. Preservação do meio ambiente e dos empregos são pilares de um desenvolvimento que pensa no presente e no futuro. Um dos exemplos a ser citado é a promoção da economia solidária, através do cooperativismo, do associativismo e das redes de cooperação solidária. Isso deve ser feito de forma que envolva toda a sociedade, principalmente, de forma tripartite (governo, trabalhadores e empresários).

Por isso, é importante demonstrar a relevância da agenda do trabalho decente para a construção de uma sociedade sustentável. A promoção do trabalho decente e a obtenção, por meio dele, de resultados positivos na construção da sustentabilidade, pressupõem o cuidado relacionado ao meio ambiente em que os trabalhadores realizam suas atividades e retiram seu sustento e o de sua família. Desta forma, é muito importante valorizar a agricultura familiar.

Nesse sentido, pois, tem-se a percepção acerca da relevância da adoção de medidas concretas que conectem, na realidade prática, o mundo do trabalho. Vale lembrar que sustentabilidade é a capacidade de usufruir dos recursos naturais presentes no planeta sem comprometer o uso deles para as gerações futuras.

Enfim, é muito importante a preservação do meio ambiente e do emprego! Essa garantia é indispensável à manutenção de uma vida digna por parte de cada trabalhador.

Precisamos estar atentos, dialogar e buscar o reconhecimento de uma política socioambiental no Brasil que tenha um caminhar do trabalho decente e a preservação do meio ambiente com sustentabilidade, pois isso revela-se indispensável para a construção do trabalho decente e sustentável.

O uso racional dos recursos naturais comprometido com as regras de manutenção do meio ambiente, gerando trabalho consciente é preservar o uso para gerações futuras.

Geraldino Santos
Secretário do Movimento Sindical do Solidariedade

As opiniões expostas neste artigo não refletem necessariamente a opinião do Rádio Peão Brasil

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS

QUENTINHAS