economia

PIS/Pasep: Pagamento dos trabalhadores com mais de 60 anos começa dia 24

Começa no dia 24 de janeiro o pagamento das cotas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) para pessoas com mais de 60 anos que trabalharam com carteira assinada antes da Constituição de 1988. A informação foi divulgada hoje (8) pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

economia

Esocial: implantação da primeira fase começa hoje para empresas

Recolhimento de impostos na contratação dos empregados domésticos pelo eSocial começou em novembro de 2015; patrões reclamaram da emissão das guias, devido a problemas no site; eSocial abrange 14,4 mil empresas, que faturaram mais de R$ 78 milhões em 2016 ou que aderiram voluntariamente; elas empregam 15 milhões de trabalhadores; veja cronograma completo da implantação no final da matéria

economia

Percentual de famílias endividadas sobe de 59% para 62,2%

Para 76,7% das famílias com contas a pagar, o cartão de crédito é a principal forma de endividamento, seguido por carnês (17,5%) e financiamento de carro (10,9%)

economia

Venda de carros só deve voltar ao pico até 2025, diz setor

economia

Gás de cozinha teve, em 2017, maior alta em 15 anos

De acordo com os dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), o preço médio do botijão de gás em dezembro de 2017 chegou a R$ 66,53; alta foi de 16,39% com relação ao verificado no mesmo mês de 2016, já descontando a inflação no período; aumento maior do que esse, só em 2002 (34%); naquele ano, assim com em 2017, a Petrobras inaugurou uma política de acompanhamento mais próximo das cotações internacionais dos combustíveis

economia

Inflação para famílias com renda de até 2,5 salários foi de 2,07% em 2017

economia

Temer sanciona lei que permite uso de até R$ 15 bilhões do FGTS pela Caixa

De acordo com o projeto aprovado no Congresso, a aplicação de recursos do FGTS fica autorizada até o dia 31 de dezembro de 2018.

economia

Crise afeta vendas do comércio do Rio no natal; expansão é de 2%

A crise financeira que atinge o estado e a concorrência causada por camelôs prejudicaram os lojistas. No Natal de 2016, o faturamento aumentou 1%.

economia

Confira como ficou o salário mínimo em 2018 em cada estado

Valor é de R$ 954 desde o dia 1º de janeiro, 1,81% maior do que o de 2016 ou R$ 17 a mais; alguns estados têm piso próprio e não seguem decreto federal; São Paulo tem piso regional, superior ao salário mínimo; Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul também adotam um salário mínimo estadual, mas o novo piso ainda não foi definido; no final da reportagem do portal G1 é possível conferir os valores atuais por estado; salário mínimo regional serve de referência, sobretudo, para os trabalhadores do setor privado que pertencem a categorias não contempladas em acordos coletivos ou convenções, como domésticas; decreto presidencial estabelece ainda que o valor diário do salário mínimo corresponderá a R$ 31,8, e o valor horário, a R$ 4,34; Cerca de 45 milhões de pessoas no Brasil recebem salário mínimo no país, entre aposentados e pensionistas, cujos benefícios são, ao menos em parte, pagos pelo governo federal

economia

No Rio, réveillon injetou quase R$ 2 bi na economia e número de turistas cresceu

Réveillon na Praia de Copacabana reuniu 2,4 milhões de pessoas; festa de Ano-Novo teve 17 minutos de queima de fogos; dados foram divulgados durante entrevista do ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, no Museu do Amanhã, no centro da capital fluminense; segundo o estudo inédito, o Ano-Novo no Rio recebeu 707 mil turistas, um incremento de 11,4% em relação ao ano anterior; foram 614 mil turistas brasileiros e 93 mil estrangeiros