PUBLICADO EM 02 de jun de 2020
COMPARTILHAR COM:
Colunista Luiz Carlos Motta

Cuidados redobrados com os comerciários

A Fecomerciários e seus 71 sindicatos filiados, distribuídos em 12 Regionais, estão orientando a categoria acerca dos cuidados a serem tomados com a gradativa reabertura do comércio não essencial em razão da flexibilização da quarentena da Covid-19. Preocupada com a preservação da saúde dos comerciários, a Federação está circulando em todo o Estado o “Guia de Convívio Responsável no Comércio: Regras de Combate ao Novo Coronavírus”, que também está disponível na seção “Publicações” em nosso Portal. Com a mesma preocupação, a Federação confeccionou e está distribuindo um expressivo número de máscaras aos Sincomerciários e Sinprafarmas.

Protocolos

Os cuidados têm de ser redobrados. Há normas estabelecidas pelo governo estadual dentro das cinco fases do plano “Reabertura Consciente” e também regras municipais obrigatórias que interferem na questão. Seus cumprimentos são cruciais para conter a pandemia. O retorno das atividades do comércio devem seguir todos os protocolos sanitários e setoriais específicos para assegurar a saúde dos trabalhadores e da população em geral.

Atentos

Entre outras providências, nossos sindicatos estão atentos a pontos fundamentais para o êxito das medidas, tais como: 1) Fiscalização para haver rigor nos horários alternativos de funcionamento. 2) Controle de entradas e saídas de clientes para evitar filas e aglomerações. 3) Obrigatoriedade do uso de máscaras. 4) Disponibilização de álcool em gel nas lojas e 5) Aferição de temperaturas, entre outras ações protetivas.

Irregularidades, como desobediência às restrições, ou esclarecimentos de dúvidas devem ser feitos imediatamente aos Sincomerciários e Sinprafarmas, assim como a apresentação de sugestões para tornar a retomada do funcionamento do comércio segura e consciente.

Luiz Carlos Motta, presidente da Fecomerciários, presidente da CNTC e Deputado Federal

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS

QUENTINHAS